O que fazer quando o colaborador não sabe dizer NÃO!

Conversando com nossos clientes surgiu o tema que começou a ficar comum: meu colaborador não sabe dizer não, assume várias tarefas e não consegue entregar no prazo combinado.

Você já viu isso acontecer também?

Ter colaboradores dispostos a assumirem novas atividades é verdadeiramente muito bom, a versatilidade dos profissionais é algo imprescindível hoje em dia, porém, como quase tudo na vida, o exagero pode criar um problema.

Essa situação pode acontecer em vários contextos e o motivo pode ser variado, como a preocupação em transmitir uma boa impressão e se mostrar disponível, o senso de responsabilidade que leva o profissional a tentar resolver todos os problemas que aparecem,  o receio de pedir ajuda ou a preocupação em não sobrecarregar ou incomodar colegas.

Relacionando com uma das nossas ferramentas mais utilizadas, o DISC, os perfis que tendem a demonstrar maior inclinação a assumir mais tarefas serão o alto S (Estabilidade), pela lealdade e pela preocupação com o bem estar do outro, por isso dizer não para novas tarefas também pode ser uma desafio. A depender da combinação dos fatores isso pode acontecer também com o alto C (Conformidade), pela preocupação com a qualidade e por preferir realizar as atividades para garantir que será feito da maneira que considera adequada.

Simplesmente falar para o colaborador que ele tem que dizer NÃO, pode ser confuso para ele, uma vez que você precisa de profissionais dispostos a aceitar novos desafios e que tenham flexibilidade.

Nosso sócio e fundador Fabio Guerra, listou três orientações para lidar com este tipo de problema:

  • Medir a qualidade da entrega: analise se o trabalho está sendo bem feito, se o colaborador está entregando as atividades em que você possa dizer este é um bom trabalho. Se ele está super atarefado provavelmente não usará a total capacidade para realizar as atividades.
  • Controlar os prazos: uma das consequências mais impactantes é não cumprir os prazos neste tipo de situação. Por isso, ficar atento se o colaborador está entregando as tarefas dentro prazo combinado e os motivos dos atrasos é fundamental.
  • Acompanhar se está levando trabalho para casa ou fazendo hora extra: a ideia aqui não é punir, mas entender quais são as atividades que o colaborador não consegue realizar dentro do horário, peça a ele para listar tudo que está fazendo e delegue a outras pessoas do time.

Ajudar o profissional a mudar um comportamento pode transformar a vida dele, e está é uma das dádivas da gestão.

Até mais!

Kelly Andrade

Especialista em Customer Experience

Para receber mais conteúdos como este, assine nossa newsletter preenchendo os campos abaixo:

loading…

LE WAR PRO – Talent Way é uma consultoria de gestão de talentos digital que equilibra a velocidade automatizada dos processos ao contato humanizado, para apoiar empresas incríveis a encontrar e desenvolver talentos incríveis. Conta com uma equipe de consultores com mais de quinze anos de experiência na área, com habilidades para mapear competências comportamentais, oferecer diagnósticos organizacionais completos com sugestões de desenvolvimento personalizadas a cada pessoa e a cada negócio. Com sede em Curitiba, a empresa atua em todo Brasil com o propósito de apoiar as empresas a conhecerem seus talentos aproveitando o melhor de cada um.